17 de jul de 2014

Liberdade?

( Este é um mero desabafo, seja totalmente critico quanto ao seu conteúdo) 


Passando pelo calçadão da xv., a famosa #BocaMaldita, encontro muita diversidade, inclusive varias opções para salvação, em menos de vinte passos podemos ver budistas, Hare Krishnas, folhetos de gurus, alguns tipos diferentes de "cristãos", e todos pregando com plena convicção que são os únicos a saber verdadeiramente o caminho para o céu.


Ver tudo isto me faz refletir e imaginar que talvez, e muito provavelmente, todos estejam equivocados. Eu prefiro ficar com aquele que disse "ame e serás salvo", interessante que nem os cristãos aceitam isto, talvez por que isto faria com que eles não fossem mais o único povo a ser digno da salvação. Talvez este seja o mesmo motivo que os faz criar tantas regras e tantos pormenores, do tipo, não se deve beber, não se deve beijar, não se deve sorrir, não se deve dançar, não podemos cantar este tipo de musica. Simplesmente para criar um padrão de vida tão triste, que somente eles, os mais esforçados poderão viver e em fim merecer a "graça", que na verdade se torna uma desgraça.



Aqueles que estão lendo estas palavras, em nome de Jesus eu os libero, para viver, para sorrir, para dançar, para abraçar, para olhar nos olhos, para ouvir, para caminhar por esta terra livremente, levando com vocês apenas uma lei, "Ame, e faça o que quiser" ( santo agostinho), quando digo faça o que quiser, entenda tudo que quiser e couber neste amor, e para isto a tua missão será descobrir o que é o amor, quando você for ler a tua bíblia, não leia mais em busca do que é pecado ou não, mas em busca de descobrir como o amor funciona, em buscar de conhecer a Deus, por que Deus é amor! 

Eu faço um apelo, ouçam o que jesus dizia, é impossível ouvir a Jesus e continuar nesta vida triste e limitada em regras, com tanto fardo quando ele disse "eu vos aliviarei", com tantos sacrifícios quando ele veio substituir de uma vez por todas todos os sacrifícios. Dizem que sou perdido, desviado, endemoniado e dai pra pior, mas é sério lendo os evangelhos, eu não encontrei mais razões pra viver esta vida religiosa evangélica (muito menos qualquer outra religião), e digo mais encontrei razões para crer que isto vai contra a vontade de Deus. Vão contra a vontade de Deus toda forma de medo, manipulação, imposição. Que o amor seja nossa unica lei, nossa unica missão e nosso combustível.