30 de set de 2015

Em busca da Paciência perdida!

   

    Acho que todos hoje vivem uma saga em busca de exercer mais paciência na vida com as pessoas e situações do dia a dia, coisas que não são fáceis e que envolvem grande stress. As pessoas tem adotado muita coisa da psicologia vulgar presente nas frases de efeito, nas auto-ajudas, nas religiões orientais "diet", ou têm se conformado com os prognósticos dos horóscopos que dizem praticamente que o temperamento e caráter ja estão determinados pelos astros e que essa ou aquela pessoa combina ou não com você. De minha parte gostaria tratar de conselhos objetivos sobre como exercitar/desenvolver/melhorar essa questão da paciência na nossa caminhada, prometa que vai compartilhar se você enxergar verdade nesse texto.  
    A primeira coisa que eu diria é que as pessoas vivem vidas que não querem e trabalham em coisas que não gostam, ou as vezes só trabalham, e não desenvolvem Hobbies, lazeres, preferindo as vezes escolher determinada atividade mais rentável financeiramente sem saber que acumular insatisfação ao longo de anos pode resultar numa falta de paciência geral, e uma insatisfação com praticamente todas as coisas na vida. Uma vida em que a pessoa não vê sentido ou não se sente realizada diminui as defesas do ser contra tristezas, stress, crises, e outras eventualidades que fazem parte da vida.
    Economizar palavras é algo muito útil na busca por mais paciência, hoje nós somos muito produtores de ruídos e barulhos, gostamos muito de falar, falar, falar, e se analisar bem pouca coisa do que falamos aproveita alguma coisa. Comentários inúteis, entrar em demandas que não são suas, coisas desse tipo que nos colocam em situações de stress desnecessário. A ideia é guardar todas essas energias para situações que de fato demandem força interior e perseverança, e não se preocupar com coisas que analisando bem são frívolas.
   Todas essas práticas acima não são de fato efetivas sem uma entrega e confiança em Deus praticadas diariamente, experimentar a graça de Deus e viver o milagre a transformação. abandonar as próprias razões e justiças, deixar o Espírito Santo operar. Essas coisas são oriundas de uma vida aonde há meditação e leitura da palavra, oração, comunhão.  Espero que tenha se motivado a uma virada na vida em relação ao seu cuidado.

0 comentários:

Postar um comentário