27 de mai de 2012

Você quer ver a face de Deus?

   
 Todos queremos ver Deus, e a palavra dele nos afirma que um dia o veremos como ele é porque seremos semelhantes a ele, mas gostaria trabalhar nesse post com o desafio e o chamado que o evangelho nos faz de vermos Deus ainda na nossa caminhada aqui na terra, aonde frequentamos ambientes imperfeitos, com pessoas imperfeitas, e sistemas muitas vezes injustos, pois quem os controla são homens falhos. Existem ilimitadas formas de ver Deus, Pedro chama de multiforme graça  pelo fato de Deus se manifestar de variados modos em cada vida, porém eu cito 3 formas nas quais podemos ver Deus e se não conseguirmos assim tenho que ser sincero em dizer que ficará difícil de outras maneiras.
     A mais sublime forma de ver Deus na qual não podemos abrir mão é através do seu filho unigênito JESUS, pois nele estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e do conhecimento, nele habita toda plenitude da divindade, ele é o verbo desde o príncípio com Deus, e ver JESUS não é privilégio de quem viveu há 2.000 anos atrás, João diz : " vimos a sua glória ", então estão ai os testemunhos dos evangelhos para nos mostrar quem era Jesus, o que ele falava, fazia, comunicava, como resolvi as situações, como tratava as pessoas, tudo isso com o testemunho do Espirito Santo no nosso coração nos ajuda a ter consciência de quem era Jesus, e nessa consciência sabermos o que é dele ou não, e também nos compararmos com ele na tentativa de ver em nós o que precisa ser mudado. Os discipulos certa feita pediram para Jesus: "mostra-nos o pai", Jesus disse: " há quanto tempo estais comigo e não veêm o pai?" porque Jesus era o pai diante deles. Andamos procurando nas teologias, nos livros, ciências, mas Deus se revelou plenamente em Jesus, e esse Jesus está nos evangelhos da forma mais simples possível.
     Podemos ver também Jesus através do nosso próximo, pois Deus escolheu ser amado no próximo, Paulo diz que o amor ao próximo é o cumprimento da lei. Não há bom serviço a Deus que não sirva o semelhante, Jesus tem fome na fome do carente, Jesus tem angústias nas angústias do que estão próximos de nós e abatidos e nós muitas vezes somos cegos pra isso e só queremos ver Jesus nas manifestações religiosas das paredes da igreja que frequentamos. A maioria de nós faz relacionamentos sociais e cordiais na igreja e nos esquecemos da comunhão que é muito mais do que dar a Paz do Senhor, sem perceber a necessidade vigente do outro, temos que parar de procurar a glória de Deus no momento do evento, do culto, mas na caminhada da vida.
     A terceira maneira simples de ver a face de Deus é em nós,  pois no sermão do monte Jesus disse: " bem aventurados os limpos de coração, pois verão a Deus", e quem são os limpos de coração? são os que se banham no amor de Deus, não entregando o seu coração à vaidade, malícia, mágoa, amargura, etc. Jesus disse que o homem bom tira do seu bom tesouro o melhor, ou seja, do seu coração tira o que é Deus nele, o nosso mestre também vai dizer que se os nossos olhos forem bons todo o corpo será, temos que olhar como Jesus, perceber como ele, e veremos o que de Deus tiramos do nosso tesouro.
Se conseguirmos ver Deus dessas maneiras que acima foram colocadas todo o resto será consequência, de modo que poderemos respirar Deus, vestir, comer, e poder contemplar o seu rosto no dia nublado, ou no dia de sol, com muito ou pouco, na dificuldade ou bonança. esse é o nosso desafio diário.

0 comentários:

Postar um comentário