29 de jan de 2013

Caiu na rotina?

Oi gente! Quanto tempo!! Já de início justificarei minha falta da semana passada. Eu retornei a rotina mesmo tem umas duas semanas, essa é a terceira, ou seja na segunda semana, na terça eu já estava ficando louca. Tinha perdido o costume total e estava sob um estresse imenso! Não sabia mais o  que eu estava fazendo direito sabe? Fazer por fazer. Percebi que tinha que me desligar um pouco, quem me conhece sabe que eu estou conectada o dia inteiro, em diversas redes sociais principalmente por causa do blog, o celular ajuda muito! Desliguei e foi ótimo para mim! Desde a semana passada penso em algumas coisas para postar pra vocês: Como saber se ele(a) é a pessoa certa? Dúvida constante presente na minha vida e acredito que na da grande maioria =s entre outros. Enfim vamos ao post de hoje!


Muitos de nós, jovens cristãos, fomos criados já dentro da igreja. Levados desde muito pequenos pelos pais, não é verdade? Esse foi o meu caso e de muitos na igreja que me congrego. Que coisa boa! Nascidos na fé, uma chuva de bênçãos com certeza. Infelizmente nem sempre é assim...

Vou contar a vocês como é a rotina de um jovem lá na igreja, tipo eu, que nasci lá.

  • Segunda: Reunião de Oração
  • Quarta: Reunião da sociedade local
  • Quinta: Culto de Doutrina
  • Sábado: Reunião de Jovens
  • Domingo: Escola bíblica dominical e culto solene.
  • Segunda de novo e o ciclo continua.
Vamos ver rapidinho o significado da palavra rotina:

  1. Caminho já sabido ou habitualmente trilhado.
  2. Hábito de fazer as coisas sempre da mesma maneira
  3. Prática constante.
Rotina... O que passa na cabeça de vocês ao ler essa palavra?
Usada propositalmente acima, essa palavra me lembra... chatice, algo que eu tenho que fazer, como uma obrigação.

Mas ir para a Igreja não é só uma obrigação, é um prazer! Sim é um prazer, um prazer imenso! Que as vezes devido a acontecimentos alheios esquecemos que é um prazer.

Ir a Igreja era parte da minha rotina (falo essa palavra aqui com todo sentido de chata que ela puder ter). Chegou um período que eu estava tão mal acostumada que nada fazia sentido. Era como se eu estivesse ligada no modo automático. Acontecia tudo do mesmo jeito:

  • Segunda eu agradecia pela presença, pedia pela saude, pela família e pela igreja.
  • Quarta eu participava e ao fim do trabalho servia "comes e bebes".
  • Na quinta escutava "com atenção" só abria a boca quando solicitada.
  • No sábado orava, lia um texto e já partia para dinâmicas.
  • No domingo tinha a EBD que era um motivo para esperar o almoço, e no culto ia cumprimentar o conselho da igreja.
  • Segunda tuudo se repetia!
Está achando chato? Repetitivo? Olha que não é por acaso.

 "E, orando, não useis de vãs repetições, como os gentios, que pensam que por muito falarem serão ouvidos "
Mateus 6:7

 Vamos recorrer ao dicionário de novo :

  1. Vazio, oco.
  2. Sem valor insignificante.
  3. Que não tem fundamento, aparente.
O versículo fala de oração, mas hoje eu venho falar de todas as outras práticas que são feitas em vão. Quantas vezes você já tinha uma oração feita na cabeça? Ou uma frase de efeito uma justificativa já pronta para quando for solicitado? Ou repetiu tudo o que o pastor diz ao fim do culto imaginando " Nossa já decorei"? 

Tudo aquilo que é feito de forma vã, não vale a pena. É como o significado diz: aparente.
Vibrei quando essa palavra apareceu! É exatamente onde eu quero chegar, aos olhos das pessoas você está super bem! Aparentemente está tudo certo, você executa suas tarefas muito bem e ao fim todos te admiram.
Aqueles que te veem na igreja todos os dias te tem como exemplo, nutrem um respeito por alguém ''tão dedicado''. Mas será que é mesmo?

Deus conhece o teu coração e sabe onde ele está. Eu sei que isso é um problema comum e muitas vezes, passa despercebido... Acontece =x

Então dali buscarás ao SENHOR teu Deus, e o acharás, quando o buscares de todo o teu coração e de toda a tua alma. 
Deuteronômio 4:29

Lendo Deuteronômio podemos encontrar vários versículos que dizem buscai de todo o coração e toda alma. Quando usamos da vã rotina, isso não acontece. Reflita... 
Será que você está vivendo a rotina?

Vamos esquecer essa palavra,esquecer a rotina e oferecer-nos em louvor de todo coração e alma Àquele que nos amou primeiro!
Ysa.

21 de jan de 2013

Avivamento!? O que é!?


Olá amigos/irmãos!

Durante algum tempo tenho refletido a respeito de Avivamento, e a linguagem avivamento de 70% desta geração está relacionada aos showzinhos gospel, camisetas com versículos bíblicos cumprir o ritual litúrgico de ir a igreja aos domingos, ver uma banda de rock pós-moderna colocando todo mundo pra pular dentro do templo ou até mesmo o crescente número de pessoas dentro de uma igreja, enfim existem muitas características hoje que se perguntarmos a 10 jovens, no minimo 6 saberá te responder o que realmente é um Avivamento. Dentro desta perspectiva volto as Escrituras e arrisco-me a dizer que Avivamento é Arrependimento, o Avivamento é uma consequência do Reino de Deus ser entendido, através da Palavra e pessoas serem convencidas pelo Espirito e só então serem regeneradas e se tornarem uma nova pessoa, um discípulo de Cristo, também não existe Avivamento sem uma mudança Social, pois a Espiritualidade está relacionada a sociedade assim sendo quando somos Espirituais, Amamos, Relevamos, Perdoamos, Toleramos, somos Pacientes e isso causa um transtorno social pois esse foi o procedimento e o Ensinamento de Jesus:

"Amarás o teu próximo como a ti mesmo."

Amar o meu próximo como a mim mesmo estar em ajudá-lo, independentemente da situação em que ele esteja, assim como o Samaritano e sem sombra de dúvidas a verdadeira adoração a Deus é fazer sua vontade e não subir num palanque pegar o violão e tocar, isto é apenas um ato litúrgico mas o que realmente precisamos entender é que o Avivamento é o Amor, não adianta irmos ao templo domingo e na segunda nem olhar pro mendigo, ou muita das vezes fazer questão de 10,00 que seja, a idéia de Avivamento que precisamos ter é sermos discípulos de Cristo, pois sendo discípulos de Cristo iremos obedecer e a obediência a Ele nos torna como Ele, Avivamento é ajudar os necessitados, Avivamento é acolher a viúva, Avivamento é sermos novas e melhores pessoas, Avivamento é estender a mão, Avivamento é ver uma Mudança Social, Avivamento é AMAR e AMAR é cumprir o que Ele nos Ensinou.

Que venhamos adquirir a consciência da Verdade e assim a Verdade ser SOBRE nós.

Esse é o convite de Jesus que a cada dia nos chama para sermos a Igreja, sermos o Avivamento, sermos o Amor, sermos seus servos, sermos seus discípulos e sermos como Ele a cada dia negando a si mesmo, tomando a cruz e seguindo-o.

Misericórdia, Paz e Amor vos sejam Multiplicados! Judas 1-2

15 de jan de 2013

Nova colunista + Oportunidades

Olá pessoas! Bom dia! Meu nome é Yara Sousa, assino como Ysa, tenho 20 anos, sou presbiteriana e vou ficar com vocês durante as terças-feiras! Que felicidade! Eu reservei o post de hoje para falar um pouco sobre mim, como tudo isso aconteceu , e a partir daí ir levando o assunto ok? Let's nessa!

Eu tenho um blog pessoal, esse, e um canal no youtube, onde eu falo sobe o que dá na cabeça. Coisas assim bem mulherzice. Uma das formas de divulgação que eu uso é o twitter e foi por meio dele que tudo aconteceu.

Fiquei tão feliz com o convite! Aceeitei na hora, mas também várias dúvidas e receios vieram a minha cabeça.
Será que eu consigo?
Eu estou preparada para fazer algo assim?
Vou falar sobre o quê?
Será que eu sei o suficiente?
E se eu cometer algum erro ?

Se eu for escrever tudo o que passou pela minha cabeça, vou escrever até amanhã. Fiquei em conflito com a  insegurança, mas não durou muito tempo. Logo lembrei do que  o pastor falou no último domingo: Quando Deus te dá uma oportunidade, não pense que você não é capaz, pois Deus está te dando essa oportunidade exatamente porque você pode!

Bem, não foi bem com essas palavras mas foi nesse sentido. Então pensem nisso. quando lhe for oferecido um cargo na igreja, um trabalho, algo do tipo, que esteja te levando para mais perto do Pai. Não pensem "Eu não consigo! Eu não estou preparado. Eu não sei!" Largue esses "nãos". Acredite em você, acredite em Deus que te quer nesse lugar.

O Pai que está nos céus te conhece mais do que você mesmo, e ele sabe que você é capaz, conhece seu potencial e por isso permitiu que esse trabalho chegasse até você. Ame a Deus e respeite a Sua vontade pois Ele te conhece e conhece os teus caminhos.

"Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração, prova-me e conhece os meus pensamentos; vê se há em mim algum caminho mau e guia-me pelo caminho eterno." Salmos 139;23-24

Não tenha dúvidas! Quando o caminho for claro, lembre-se das instruções de Deus para os israelitas, Sigam Avante!

Fiquem com Deus e até próxima terça!
Ysa

14 de jan de 2013

Nossa missão e o zelo à pregação


Após sua ressurreição, Jesus aparece aos discípulos antes de ser assunto aos céus, conforta seus corações e lhes dá uma missão registrada em Marcos 16:15, “preguem o evangelho a toda criatura”. Desde então muitos deram suas vidas, enfrentaram leões, abandonaram filhos, cônjuges, pais e se envolveram nesta que é a principal missão da igreja. No entanto, uma vez envolvidos neste ofício, precisamos compreender que ao anunciarmos o evangelho de Cristo, tornamo-nos representantes dele diante dos homens. 
A igreja atual tem presenciado uma das piores fases no que se refere ao seu posicionamento ante a sociedade e cumprimento do seu encargo. De forma geral, a igreja deixou de ser um ambiente de adoração e refrigério e passou a ser vista como um lugar de entretenimento, projeção de imagens individuais e barganhas. Portanto, não somente por estas coisas, mas por compreensão de que fomos vocacionados para uma missão especifica e por zelo pela boa pregação do evangelho, é urgente a necessidade de pregar a palavra não omitindo suas verdades.
A igreja de Cristo foi estabelecida pelos escritos dos apóstolos e pelo empenho deles em anunciar com excelência e honra o evangelho de forma genuína. Porém, agora, repousa sobre nós esta responsabilidade de proclamá-lo de forma simples e pura a todos os homens.


Texto de Thiago Nascimento

7 de jan de 2013

Só o Presente é Verdadeiro e Real


     Um ponto importante da sabedoria de vida consiste na proporção correcta com a qual dedicamos a nossa atenção em parte ao presente, em parte ao futuro, para que um não estrague o outro. Muitos vivem em demasia no presente: são os levianos; outros vivem em demasia no futuro: são os medrosos e os preocupados. É raro alguém manter com exactidão a justa medida. Aqueles que, por intermédio de esforços e esperanças, vivem apenas no futuro e olham sempre para a frente, indo impacientes ao encontro das coisas que hão-de vir, como se estas fossem portadoras da felicidade verdadeira, deixando entrementes de observar e desfrutar o presente, são, apesar dos seus ares petualentes, comparáveis àqueles asnos da Itália, cujos passos são apressados por um feixe de feno que, preso por um bastão, pende diante da sua cabeça. Desse modo, os asnos vêem sempre o feixe de feno bem próximo, diante de si, e esperam sempre alcançá-lo.Tais indivíduos enganam-se a si mesmos em relação a toda a sua existência, na medida em que vivem ad interim [interinamente], até morrer. Portanto, em vez de estarmos sempre e exclusivamente ocupados com planos e cuidados para o futuro, ou de nos entregarmos à nostalgia do passado, nunca nos deveríamos esquecer de que só o presente é real e certo; o futuro, ao contrário, apresenta-se quase sempre diverso daquilo que pensávamos. O passado também era diferente, de modo que, no todo, ambos têm menor importância do que parecem. Pois a distãncia, que diminui os objectos para o olho, engandece-os para o pensamento. Só o presente é verdadeiro e real; ele é o tempo realmente preenchido e é nele que repousa exclusivamente a nossa existência. Dessa forma, deveríamos sempre dedicar-lhe uma acolhida jovial e fruir com consciência cada hora suportável e livre de contrariedades ou dores, ou seja, não a turvar com feições carrancudas acerca de esperanças malogradas no passado ou com ansiedades pelo futuro. Pois é inteiramente insensato repelir uma boa hora presente, ou estragá-la de propósito, por conta de desgostos do passado ou ansiedades em relação ao porvir.

Arthur Schopenhauer

2 de jan de 2013

Quem somos nós para Julgar ??



 "Quem somos  nós para julgar?"
Muitos os Julgam, mas quem somos nós para julgarmos alguem? isso cabe só a Deus, o que podemos fazer é orar por cada um deles!
Pooxx, que triste ... Como não devemos julgar? Acaso, não foi Paulo quem disse que nós iremos julgar o mundo? E mesmo, que devemos julgar as coisas desta vida? Não foi ele quem disse que devemos expulsar os malfeitores (falando da igreja)? Como pode fazer isso sem julgar?
Não foi o próprio Paulo quem nos ensinou que “o homem espiritual julga todas as coisas, sendo, porem, ele mesmo não julgado por ninguém”? Ou antes, quem escreveu: julguem vocês mesmos o que “eu” digo?
Mas quem foi Paulo para falar de julgamento, quando o próprio Cristo disse: “Não julguem, para que vocês não sejam julgados”? Ou será que nós interpretamos errado a frase de Jesus, nos esquecendo do que, logo após, Ele diz: “da mesma forma que julgarem, vocês serão julgados”?
O julgamento que Jesus prega aqui, não é o julgamento pregado hoje, que nos mantém cativos aos falsos ensinamentos e falsos mestres, sem que possamos contestá-los. Jesus não está proibindo o julgamento, Ele mesmo disse aos fariseus: “por que não julgais também por vós mesmos o que é justo?”. 
O julgamento de Mateus 7, que é tão mal usado para defender as obras de muitos falsos profetas, fala na verdade sobre a critica e o mau julgamento encima da pessoas quando os nossos pecados são ainda maiores. É só lermos atentamente Mateus 7:1-5 algumas vezes para perceber essa verdade.
Agora, sobre os tais “homens de Deus”, realmente concordo que alguns desses são verdadeiramente homens de Deus, no entanto, outros dos que estão ai são gigantemente usados para a vergonha do nome de Deus, com falsos ensinamentos e doutrinas de demônios, pregando somente aquilo que enche o ego das pessoas, prometendo o mundo, distorcendo a bíblia e criando inimigos de Deus, pessoas feridas em sua fé. Se hoje a igreja tem tantos inimigos, alguns dos maiores culpados estão ai nessas fotos, entre outros, que felizmente não foram colocados na imagem.
“O Espírito diz claramente que nos últimos tempos alguns abandonarão a fé e seguirão espíritos enganadores e doutrinas de demônios. Tais ensinamentos vêm de homens hipócritas e mentirosos, que têm a consciência cauterizada” 1Tm 4:1,2
Ah, e “quem somos nós para julgar”?
Eu sou um filho de Deus, que luta sim contra os falsos ensinamentos e falsos profetas, e lutarei por uma igreja mais saudável, mais pura e mais humilde. Mesmo que não consiga ver em vida, mas estou bem certo que verei na eternidade.
Refs: Lc 12:57; 1Co 2:15; 1Co 10:14,15; 1Ts 5:21; 1Co 5:12,13; 1Co 6:1-5; Mt 7:1-5; MT 18.15-17; João 7.24
By Leandro Schoen texto do blog www.dizaileo.com